Posted on

O presidente da OAB Ceará, Erinaldo Dantas, nomeou as advogadas Mara Susy Bandeira Almeida e Marta Alice Chaves Carvalho como membros da Comissão de Direito Previdenciário e Assistência Social. O anúncio das iguatuenses para o cargo ocorreu na quinta-feira, 17. O órgão também nomeou a advogada Tânia Regina Soares, também iguatuense, como membro da Comissão dos Direitos da Pessoa Idosa.

As advogadas possuem vasta experiência na temática. E conforme a ordem estadual, devem levar força e representatividade da advocacia no interior do Estado. As nomeações buscam fortalecer e propagar os trabalhos realizados pelas comissões, a Ordem Cearense vem realizado nomeações de novos membros na busca de reafirmar este laço e braço do Sistema OAB.

O diretor adjunto de Subsecções da OAB-CE, Marco Antônio Sobreira, destaca que os novos nomes chegam para somar ainda mais conhecimento. “As nomeações são importantes, pois reafirmam a participação de mais mulheres no Sistema OAB. Com certeza trarão um grande reforço às atividades realizadas pela Comissão, visando contemplar cada vez mais a advocacia interiorana”, afirma.

Responsabilidade

Advogada previdenciarista, militante na área da assistência social, Mara Susy ressalta que a principal atribuição da comissão é buscar soluções e engrandecer a região abrangida pela subseção OAB Iguatu. “Esse cargo me incumbe a função de desempenhar muitos esforços pela efetivação da proteção previdenciária, a conscientização dos direitos e deveres tanto da sociedade como dos próprios advogados no sentido de melhorar o retorno da prestação do serviço público, sempre em cooperação com órgãos e entidades como INSS e Justiça Federal”, disse.

Já Marta Alice acredita que o período em que o país vivencia é crucial para o desenvolvimento de um trabalho responsável na comissão. “É uma satisfação enorme que carrega uma grande responsabilidade, pois passo a integrar a Comissão em momento histórico para o direito previdenciário, considerando a reforma da Previdência e a atual situação política e econômica do país que têm impactado diretamente na vida da sociedade como um todo”, afirmou.

OAB-Ceará

O presidente da OAB Ceará, Erinaldo Dantas, reitera a importância de a gestão ser cada vez mais participativa e inclusiva. “Fico muito contente em ver mais mulheres participando ativamente e contribuindo arduamente aos quadros da OAB. Trabalho e muitas conquistas ainda estão por vir”, finalizou.

O post Advogadas iguatuenses assumem comissões de Direito da OAB-CE apareceu primeiro em Jornal A Praça.